top of page

Devir Educom tem novo parceiro: Coletivo COLO de jornalismo infantojuvenil



O jornalismo infantojuvenil, que faz parte das atividades do projeto Memórias em Rede, agora está mais presente no Devir Educom. Neste mês, o Instituto fechou parceria com o Coletivo COLO, cujo propósito é atuar nesse campo, fortalecendo e promovendo a importância de levar informação de qualidade a esse público, bem como validar a criança e o adolescente como fonte, premissas defendidas no Devir em suas ações no Memórias em Rede e no projeto Aspas de Moleque.


Criado em fevereiro de 2022 por jornalistas e comunicadores focados em discussões e pesquisas voltados a crianças e adolescentes, o COLO tem na direção as professoras e pesquisadoras Juliana Doretto, da PUC Campinas, e Thais Furtado, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).


Segundo esclarece em sua página na internet, o coletivo nasce com os seguintes objetivos: fortalecer o jornalismo infantojuvenil no Brasil, na academia e no mercado da comunicação; defender o direito da criança e do adolescente de receber informação ampla, variada e adequada às suas vivências e ao seu desenvolvimento, sem reduzir suas capacidades e experiências; incentivar a escuta de crianças e adolescentes como fontes, em vários segmentos do jornalismo brasileiro; e disseminar a importância do jornalismo infantojuvenil como suporte para processos de ensino e aprendizagem.


Com a parceria, ambas as instituições atuarão juntas em pesquisas, eventos, apoio em atividades e outras ações. Para o Instituto Devir, essa é uma ótima oportunidade de ampliar sua atuação, potencializando o estudo, a pesquisa e as ações com crianças e jovens na interface comunicação e educação, com o aparato do jornalismo.


Conheça todos os nossos parceiros.

23 visualizações0 comentário
bottom of page