Oficina 'Histórias de Vida' leva professores à reflexão sobre projetos de memória em sala de aula

A atividade foi em formato online pela equipe do Instituto Devir Educom, nesta segunda-feira (18), dentro da programação do 20° Encontro USP Escola



Apresentação da roda de histórias do Memórias em Rede ema parte do grupo participante. Ao todo foram mais de 100 inscritos



Projetos de memória e comunicação podem contribuir no processo de ensino-aprendizagem em sala de aula? Rodas de histórias de vida desenvolvem empatia e relações mais horizontais entre professor-aluno? Essas foram as reflexões provocadas na oficina 'Escola Conectada: Histórias de Vida', realizada pelo Instituto Devir Educom nesta segunda-feira (18), dentro da programação do 20° Encontro USP Escola. O evento é organizado pela Associação de Professores de Escolas Públicas (Apep) e reúne, até sexta-feira (22), mais de 3 mil educadores de todo o país para formações gratuitas, dessa vez em formato online, em razão da pandemia.


Na oficina, os educomunicadores Ivone Rocha, Andressa Luzirão e Pedro Mendes, do Devir Educom, discorreram sobre o quanto projetos de memória, na perspectiva da Educomunicação, podem contribuir com o desenvolvimento da escuta ativa e qualificada, com processos colaborativos de ensino contextualizados à história de vida dos estudantes, tornando o aprendizado mais significativo.


A atividade propôs a experiência da Roda de Histórias entre os participantes, que contaram memórias de borboletas envolvendo irmãos; da relação afetuosa com a avó; da infância na roça; da visão da educação dentro de um hospital; do trabalho desenvolvido em comunidade vulnerável durante a pandemia, entre outras, em uma ciranda de troca e partilha de experiências pessoais que carregam emoções. O que mais chamou a atenção na oficina foi perceber “a maneira que podemos nos aproximar de nossos alunos, criando um laço de afetividade”, comentou uma das participantes. Outra, em sua avaliação, destacou a "a forma cuidadosa que as histórias de vida foram pensadas na prática escolar”.


O Instituto Devir Educom segue com outras duas oficinas - 'Objetos e Afetos' e 'Semiótica das cores - a escola e seus tons', nesta terça e quarta-feira (19 e 20), e com a palestra 'Jornalismo no currículo escolar – contribuições para a contextualização das disciplinas sob o olhar da BNCC' - quinta-feira (21).


Conheça os projetos do Instituto Devir Educom.


29 visualizações0 comentário